" Você é linda, você é incrível e você não precisa estar com quem te faz mal"

23:23



Estava eu esses dias em um dos meus canais favoritos do youtube, o JoutJout, prazer, quando me deparo com o vídeo mais majestoso que poderia ter visto no dia de hoje: não tira o batom vermelho. No vídeo, a Júlia (ou JoutJout como é carinhosamente chamada) fala sobre relacionamentos abusivos e comenta que teve a ajuda para o roteiro de algumas mulheres que relataram um pouco de suas histórias nesse tipo de relação. E gente, infelizmente esse tipo de coisa acontece com mais frequência do que deveria, na verdade esse tipo de doença (isso não pode ser outra coisa) nem deveria existir. Com certeza sua amiga, sua irmã ou até mesmo sua prima já passou ou passa por um desse tipo de dependência, e acredite isso não é nada saudável.

O relacionamento abusivo é caracterizado por ser controlador e manipulador, quando o parceiro quer impor ordens: dizer o que vestir, com quem falar, o que fazer, além de fazer ameaças sucessivas de términos de namoro e te fazer sentir culpada de qualquer briga ou discussão. Na maioria dos casos, as vítimas mudam pela outra pessoa e se tornam totalmente diferente do que eram antes de conhecê-la.

Agora vamos analisar as coisas: uma pessoa que não deixa você fazer o que bem entender, te pressiona a fazer tudo o que ele quer, te coloca pra baixo e não fica feliz com suas realizações pessoais, diz que você não é nada sem ele e te trata mal, esse alguém te ama? Será que alguém que te faz se sentir um lixo merece todo o seu amor e compreensão? amiga, senta aí mais um pouco e vamos conversar. Essa pessoa não merece estar com você em nenhuma das hipóteses, tá que você ama ele, que você adora seus beijos e se sente realizada perto dele, mas você é linda e não precisa estar com uma pessoa que quer que você seja outra. Não me venha com papo de que isso é uma fase ruim e que ele vai mudar: Ele NÃO vai mudar porque você quer, ele nem aceita suas opiniões. Desculpa, mas ele não te ama!

Vou até citar o trecho de um texto que li da Priscylla Piucco e da Sofia Soter para a revista capitolina:
"Não vale a pena se permitir sofrer desse jeito porque você ama a pessoa. Quando ela abusa de você, sua atitude é a maior prova de que o amor não é recíproco. Amor não sufoca, não controla, não humilha, não abandona, não machuca, não faz pressão psicológica, não ameaça, não agride, não mente. Isso é abuso, amor é outra coisa.

Se mais de uma pessoa veio conversar com você e já te aconselhou a sair dessa, reveja se você passa a maior parte do tempo feliz ou triste quando está com ele e tire suas próprias conclusões. Um conselho de amiga: você merece um alguém que te ame e te faça bem. Por mais doloroso que seja, tente se libertar disso. Vale ressaltar que ainda que digam o contrário, a culpa não é sua. Por fim, parafraseando uma imagem que vi e independentemente de como é seu relacionamento, "você é linda, você é incrível e você não precisa estar com quem te faz mal."

 Logo abaixo se encontra o vídeo que inspirou isso tudo. Ta com preguiça de ler? Veja o vídeo!

Comente:

0 comentários